novembro 02, 2008

“... e começou a ter pavor e a angustiar-se” (Marcos 14.33)

...
Você já meditou neste momento em que nosso Senhor Jesus passou e sofreu mesmo antes de ser crucificado por nós no Gólgota?

Jesus Cristo padeceu na cruz por mim, por você, por todos nós. Toda honra, e glória, e poder sejam dados ao Senhor Jesus.

Nosso Salvador, que sofreu por nós maldição de cruz no Calvário, derramou seu Santo Sangue para nos remir, lavou com alto preço nossos pecados, nossas transgressões. Na cruz “Verdadeiramente Ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas Ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e esmagado por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre Ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.” (Isaías 53.4,5).

E o que acontece neste presente século? Nestes nossos dias?

Centenas de milhares buscando prosperidade, fama, fortuna, posição social, musica gospel, ser cantor evangélico de fama, pregadores compradores de horários na mídia, homens e mulheres que se dizem crentes portando de qualquer maneira, “igrejas” de portas largas, adultérios de pastores, prostituições entre irmãos, e mais prosperidade, fama, fortuna, e porque falamos assim dos que se dizem evangélicos?

Por que as Sagradas Escrituras já nos alertaram para isto, “Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te. Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências; Que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade.” (2Timóteo 3.1-7)

Por tudo isto relatado o Espírito Santo de Deus nos dá entendimento da razão do Senhor Jesus ter tido pavor e angustiar-se tanto, o Senhor Jesus Cristo naquele momento em Marcos 14.33 estava vislumbrando que seu Misericordioso sofrimento e o que fora profetizado por Isaías há setecentos anos antes do nascimento do Messias, seria em vão para milhares e milhares de hipócritas carregadores de Bíblia preocupados em idolatrar a denominação das suas chamadas “igrejas”, e, não querem viver Cristo Jesus para salvação de suas almas como ensina as Sagradas Escrituras, são os mais miseráveis dos homens, estão vivendo Cristo Jesus somente para esta vida (1Coríntios 15.19).
...

Nenhum comentário: