Leitura bíblica: 17.abr.2014

"No segundo ano de Jeoás, filho de Jeoacaz, rei de Israel, começou a reinar Amazias, filho de Joás, rei de Judá.
Tinha vinte e cinco anos quando começou a reinar, e vinte e nove anos reinou em Jerusalém. E era o nome de sua mãe Joadã, de Jerusalém.
E fez o que era reto aos olhos do SENHOR, ainda que não como seu pai Davi; fez, porém, conforme tudo o que fizera Joás seu pai.
Tão-somente os altos não foram tirados; porque o povo ainda sacrificava e queimava incenso nos altos.
Sucedeu que, sendo já o reino confirmado na sua mão, matou os servos que tinham matado o rei, seu pai.
Porém os filhos dos assassinos não matou, como está escrito no livro da lei de Moisés, no qual o SENHOR deu ordem, dizendo:
Não matarão os pais por causa dos filhos, e os filhos não matarão por causa dos pais; mas cada um será morto pelo seu pecado.
"
[ 2Reis 14 ]

"filhos dos assassinos não matou"
1 Essa moderação, inspirada na lei mosaica [Deuteronômio 24.16], mostra o bom caráter do príncipe; para o curso prossegue, assim, para as famílias dos regicidas (que ou pessoa que mata um rei ou rainha) era diretamente contrária ao vigente costume da antiguidade, segundo a qual todos relacionados com os criminosos foram condenados a impiedosa destruição;
2 Demostrou fé e coragem, que ele iria obedecer a este mandamento de DEUS, que era perigoso para si mesmo, por essas pessoas provavelmente em busca de vingança pela morte dos pais.

Em textos neste site, poucas vezes há menção de números de versículos, na maioria, são expostos livros e capítulos bíblicos;
porquanto, o uso da Palavra de DEUS [contida na Bíblia] e a meditação nos contextos bíblicos citados, trarão um mesmo entendimento pela unção do ESPÍRITO SANTO [1João 2]!!

novembro 07, 2008

Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua Justiça... (Mateus 6.33)

...
A Palavra de Deus, nos diz que, Paulo advertiu a Pedro na presença de todos (Gálatas 2.11-14), e que, o mesmo Paulo por inspiração divina, orientou Timóteo a repreender os pecadores, também na presença de todos (1Timóteo 5.20), assim, acabamos por completo com aquelas afirmações, "não podemos julgar ninguém", "quem julga é Deus", "quem é você para julgar", e mais uma infinidade de outros "não julgue!", portanto, quando falamos do que estamos presenciando, não estamos julgando, estamos sim, alertando e repreendendo o que não está certo...

Como é incrédula e perversa esta geração, milhões e milhões carregando bíblias para dentro de casas noturnas que sustentam um rótulo de "igrejas", sem conhecer um único versículo bíblico para viver espiritualmente, muitos estão sendo manipulados em buscar a maior arma usada pelas potestades das trevas que afasta milhões de almas dos caminhos de Deus: o dinheiro (prosperidade material, status social, carrões, mansões, milhões em conta bancária, sítios, fazendas, luxúria).

Sabemos que a Palavra de Deus não é para ser interpretada por nós homens de qualquer maneira, e sim vivida, praticada, pois todas as honras e glórias são para o Senhor Jesus, mas os falsos e hipócritas grandes pregadores, cães (Apocalipse 22.15) que arrastam multidões abrindo-lhes as portas das chamadas "igrejas prostíbulos espirituais das trevas", onde se freqüenta de qualquer maneira, sem temor, sem postura, sem modéstia, sem pudor, lotadas de jezabelitas e homens amantes de si mesmos, verdadeiras abominações aos olhos de Deus e da sã doutrina bíblica.

Como nos afirma a Palavra de Deus, Amós 5.21-23 "Aborreço, desprezo as vossas festas, e as vossas assembléias solenes não me dão nenhum prazer. E, ainda que me ofereçais holocaustos e ofertas de manjares, não, me agradarei delas, nem atentarei para as ofertas pacíficas de vossos animais gordos. Afasta de mim o estrépito (barulho) dos teus cânticos; porque não ouvirei as melodias dos teus instrumentos."

É urgente e necessário que vivamos a Verdade, uma vida santa sem ambições materiais, pois “tudo posso naquele que em fortalece”, inclusive passar fome como verdadeiro adorador, em espírito e em verdade, vamos humildemente ajuntar tesouros no céu onde a traça e a ferrugem não consomem, nem os ladrões minam, nem roubam, nossa rica e bendita esperança é a vinda de Jesus Cristo para hoje, agora. Amém! Ora, vem, Senhor Jesus!

...

4 comentários:

Anchieta Campos disse...

Amado irmão James, a paz do Senhor.

Seus artigos e palavra sempre tiveram a minha admiração e imenso respeito, e desta feita não é diferente.

Sempre percebi em suas palavras as marcas de um homem temente a Deus e a sua Palavra, que procura sempre demonstrar o amor gracioso do nosso Senhor Jesus Cristo para com a humanidade.

Que este importante artigo possa cumprir com o seu propósito, qual seja, alertar a todos para viverem uma vida santa e sincera perante nosso Deus, mediante o conhecimento da Palavra.

Forte abraço caro irmão.

Do seu companheiro de lutas,

Anchieta Campos

james disse...

Graça e paz a vós, da parte de Deus, nosso Pai, e da do Senhor Jesus Cristo, amado irmão Anchieta Campos.

Sempre devemos estar em constante adoração ao nosso Senhor Amado, por seu infinito Amor para conosco.

Assim, rendo graças ao nosso Deus pelo amado e por suas ricas visitas ao nosso humilde blog...

Fraternalmente.
James.

Rev. Eugênio Ribeiro disse...

Estimado Irmão James!
Este seu artigo nos mostra claramente que muitas de nossas denominações eclesiais fizeram novamente o pacto com o príncipe deste mundo. Parabéns, está muito bem escrito.
Rev. Eugênio Ribeiro, Sh
http://reverendoeugenio.blogspot.com

james disse...

Graça e paz de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo, irmão Eugênio.

Infelizmente, é esta a triste realidade das denominações que hoje imperam, pois, estão desviando do real propósito que nosso Amado Salvador suportou na cruz do Calvário, qual seja, abrir-nos caminho aos céus...

Deus o abençoe por sua rica visita ao nosso humilde blog.

Fraternalmente.
James.