Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 09 de dezembro, 2018

Josua 24, Almeida 1850

Agora pois temei a JEOVAH, e servi-O em sinceridade e em verdade: e deitai fora aos deoses, aos quaes serviraõ vossos pais d'alem do rio e em Egypto, e servi a JEOVAH.
Porem se vos parece mal em vossos olhos, servir a JEOVAH, escolhei vos hoje a quem sirvais; ou aos deoses, aos quaes serviraõ vossos pais, que estavao d'alem do rio, ou aos deoses dos Amoreos, em cuja terra habitais: pois eu e minha casa serviremos a JEOVAH.
Então respondeo o povo, e disse: nunca nos aconteça, que deixemos a JEOVAH, para serviremos a outros deoses.
Porque JEOVAH he nosso DEOS, ELLE he o que nos fez subir a nós e a nossos paes a terra de Egypto, da casa de servidaõ: e o que tem feito estes grandes sinaes perante nossos olhos, e nos guardou por todo o caminho, que andamos, e entre todos os povos, por meyo dos quaes passámos.
E JEOVAH rempuxou perante nossa face a todas estas gentes, até a o Amoreo, morador da terra: tambem nos serviremos a JEOVAH, porquanto he nosso DEOS.
Entaõ Josua disse a o povo: naõ podereis servir a JEOVAH, porquanto he DEOS santo: he DEOS zeloso, que naõ perdoará vossa transgressaõ, nem vossos peccados.
Se deixardes a JEOVAH, e servirdes a deoses estranhos, entaõ se tornará, e vos fará mal, e consumir-vosha, depois de vos fazer bem.
Entaõ disse o povo a Josua: naõ; antes a JEOVAH serviremos.
E Josua disse ao povo: sois testimunhas contra vos mesmos, de que vos escolhestes a JEOVAH, para O servir: e disseraõ; somos testimunhas.
Deitai pois agora fóra a os deoses estranhos, que em meyo de vos ha: e inclinai vosso coraçaõ a JEOVAH DEOS de Israel.
E disse o povo a Josua: serviremos a JEOVAH nosso DEOS, e obedeceremos a Sua voz.

[734,840]


maio 21, 2017


Pastores condenam as doutrinas que originam recursos para as igrejas instituições


Há umas dezenas de senhores, pastores, lideranças eclesiásticas que estão descendo a lenha, falando contra, criando justificativas e condenando as doutrinas e tradições das igrejas instituições, além de criticarem veemente a outros pastores que anunciam e utilizam destas doutrinas que são usadas para arrecadar recursos para manutenção das instituições, tais como dízimos e o devorador, as ofertas, as campanhas:

  • Seria interessante de como entender estes homens quando estão em estas instituições;
  • Seria interessante de como entender estes homens diante os outros irmãos que seguem estas doutrinas denominacionais e contribuem;
  • Seria interessante de como entender estes homens diante o viver em comunhão.

Aliás, mas que comunhão??
Ora, um membro vive na instituição o que o outro membro condena!!

  • E como estes senhores, pastores, sobem nos púlpitos para pregarem nestas instituições das quais condenam suas doutrinas e tradições??
  • Em seus ensinos eles apresentam o mesmo que apresentam nas redes sociais??

Em verdade, tenho presenciado em redes sociais, como o Conselho de Pastores do Brasil - CPB, diversos pastores denominacionais, como por exemplo, pastores assembleianos criticando e condenando veemente as doutrinas e tradições das instituições religiosas "Assembleia de Deus".

Éhhhh... a hipocrisia, a mentira, a falsidade, as calúnias, a falsa comunhão reinando num reino dividido (religião evangélica), mesmo por que, para que as portas das igrejas instituições permaneçam abertas, são usadas as doutrinas dizimistas, ofertantes, que estes senhores pastores condenam e que são frequentadores e quiça, pregadores e professores.



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


[653,570].