Contexto SAGRADAS ESCRITURAS: 28.mar.2015

"¶ Aprendei, pois, esta parábola da figueira:
Quando já os seus ramos se tornam tenros e brotam folhas, sabeis que está próximo o verão.
Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ELE está próximo, às portas.
Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas estas coisas aconteçam.
O céu e a terra passarão, mas as minhas Palavras não hão de passar.
"
[ Mateus 24 ]


março 26, 2015


Aos desigrejados, pelo contexto da Palavra de DEUS, será impossível se tornarem um novo modelo denominacional.

[420,400]


Os desigrejados, por termos sido alcançados pelo ensino da Palavra de DEUS [contida na Bíblia] na ação do ESPÍRITO SANTO [1João 2.27], nos desvinculamos dos lugares apelidados ou com nome de 'igreja' ou a chamada igreja instituição, porquanto, nossa união não se faz em “instituições religiosas” comumente apelidadas ou chamadas de “igrejas” (eis a razão do termo), por que não somos chamados para “estar em uma igreja”, mas, para “ser Igreja”.

Sendo assim, pelo contexto da Palavra de DEUS, testificamos que, não há intenção nenhuma dos desigrejados em formar grandes grupos de reuniões ou, jamais, denominações, não almejamos centenas de pessoas reunidas num mesmo lugar, antes, como alcançados pelo entendimento da conjuntura bíblica, almejamos que nossas reuniões sejam, em especial, em nossos lares, levando o entendimento de CRISTO às famílias;

E assim, que famílias venham vivenciar o amor do CRIADOR na pessoa de Seu FILHO Amado, e constituindo dia após dia, igrejas em suas casas, assim como persevera a sã doutrina, uma vez que, os servos de CRISTO são a geração eleita, o sacerdócio real (não necessitamos de sacerdotes religiosos, lideres espirituais, e muito menos das lideranças eclesiásticas), os servos de CRISTO são a nação santa, o povo adquirido, para que anunciem as virtudes daquELE que os chamou das trevas para a Sua maravilhosa luz, de casa em casa [1Pedro 2]:

"Saudai aos irmãos que estão em Laodicéia e a Ninfa e à igreja que está em sua casa." [Colossenses 4]
"E à nossa amada Áfia, e a Arquipo, nosso camarada, e à igreja que está em tua casa:" [Filemom 1] 
"¶ As igrejas da Ásia vos saúdam. Saúdam-vos afetuosamente no SENHOR Áqüila e Priscila, com a igreja que está em sua casa." [1Coríntios 16]
"Saudai também a igreja que está em sua casa. Saudai a Epêneto, meu amado, que é as primícias da Acáia em CRISTO." [Romanos 16]

Congregação

Os desigrejados de lugares apelidados ou com nome de 'igrejas', entendemos pelo testemunho da Palavra de DEUS, que não é necessário, e nunca será, a aglomeração de grandes grupos, não há necessidade que se vinculem os lugares à uma santidade que não existe, precisamos sim, e necessário é, viver em comunhão com irmãos, e nossa congregação é a nossa reunião, nossa união em torno de CRISTO, para O qual estamos reunidos em especial, em nossos lares.

Aliados a veracidade da Palavra de DEUS, vislumbramos que a necessidade de grandes aglomerações e/ou templos suntuosos não se fazem necessários, pois que, o que é digno de apreço, de estima, de consideração, está na presença de CRISTO em nossas reuniões que à ELE nos congregamos, ELE mesmo nos agracia asseverando que, a importância primordial da congregação é adorar em espírito e em verdade, independe do lugar, e, mesmo sendo a reunião de dois ou três em Seu nome, ali, afirma o SENHOR: "aí estou EU no meio" [Mateus 18]!!

Lembrando ainda que, os desigrejados, vivemos os dons de Efésios 4.11, mas não nos permitimos em hierarquia religiosa como as lideranças eclesiásticas, que usufruem indevidamente deste versículo (isolado) para se fazerem mais importantes que os demais membros das denominações religiosas;

E por esta maneira, os desigrejados, quando nos reunimos, cada um de nós (familiares e irmãos) "tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação", fazendo tudo para edificação [1Coríntios 14] e somos um em CRISTO, e não um tolo querendo se fazer à frente dos outros.

Teologia

Os desigrejados não se preocupam com o sistema teológico, do qual fazem mestres a si mesmos, homens intelectualizados pela religiosidade, donde fomentam a sistematização doutrinária do evangelho, usando estudos na criação e elaboração de regras religiosas reduzindo o evangelho a um mero sistema clerical, mesclando-o com algumas normas e preceitos do Antigo Testamento.

É isto que a teologia faz, enganar pessoas através de homens intelectualizados e mal intencionados, mesmo por que, a sistematização do evangelho pela teologia miscigenando-o com Antigo Testamento levar-se-á:
- sacerdotes exclusivos ordenhados entre si, neste tempo presente;
- dízimos para manutenção destes; e
- construção de prédios religiosos em detrimento a ajuda aos pobres e necessitados;
- adestramento da membresia;
- enfim, todo tipo de engano, argumentos capciosos no intuito de enganar, apenas!!
E, ainda, é de cunho do contexto da sã doutrina divina, que a teologia por seus estudos, coadunam (ligar, juntar em, conciliar, combinar) as tradições, usos e costumes forjando a igreja instituição e subdividindo-a em denominações e instituições religiosas (lugares apelidados de ‘igrejas’), como as batistas, as assembleianas, as pentecostais, as reformadas, blá, blá, blá... é a sistematização do evangelho pela teologia judaizante evangélica.

Razão do texto

Abrindo outro parenteses, estes texto, pelo contexto bíblico, é categoricamente contrário ao que expôs o sr. Lisnei Furbino de Brito, em sua afirmação e pretexto: a ideia de desigrejados, é apenas uma resposta aos abusos cometidos pelos líderes atuais, mas que com o tempo será um novo modelo denominacional.

Mesmo que, qualquer entidade religiosaseja qual for se iniciou com 1/2dúzia, também não é somente os exemplos dado pelo sr. Lisnei (abaixo) e o que devemos lembrar, ainda, são as igrejas evangélicas, oriundas da reforma protestante dos católicos, portanto, filhas bastardas da igreja católica, para isto, é apenas nos apegar à transparência e à congruência entre liturgias, dogmas, sofisma, hierarquização, dentre outros pormenores religiosos, deixam isto claro e cristalino.

Resumo do sr. Lisnei: 
"Os adventistas do sétimo dia, também começaram por ser um grupo contra o sistema denominacional, não aceitavam a igreja registrada, mas com o crescimento do grupo, o Ancião Tiago White acabou sendo obrigado a registrar a igreja e estabelecendo normas organizacionais. O movimento dos irmãos, do qual o mais destacado foi George Müller, o homem que ousou confiar em Deus, procurou romper com o sistema denominacional, sendo hoje conhecido com indenominacional. Se organizando em grupos autônomos, mas acabaram se tornando uma nova denominação... O próprio movimento pentecostal que deu origem As Assembleias de Deus, Cristã no Brasil e Evangelho Quadrangular, não tinha originalmente a intenção de formar uma nova denominação, mas revitalizar a igreja. O que se viu na verdade foi o surgimento de diversas denominações a partir destes grupos. O cristianismo não forma lobos solitários, é uma religião feita para ser compartilhada... Assim foi com os grupos citados, foi com os Testemunhas de Jeová (que também são contra a igreja organizada, pois esta só existirá no céu, composta pelos 144.000) Assim é com a Igreja Cristã cientifica (também considerada herética, mas que tem um raciocínio contra a organização e contabilidade de membros)"

Cristianismo

Aos desigrejados, ainda, é evidente que CRISTO JESUS veio ao mundo para salvar os pecadores [1Timóteo 1] e não para fundar o cristianismo!

Este cristianismo é a sistematização do evangelho, um sistema criado por homens, e o porta-luz da teologia.



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


março 20, 2015


A igreja instituição e as lideranças eclesiásticas incitam ao medo!!

[419,855]

É indispensável que façamos algumas considerações para generalizar a veracidade da Palavra de DEUS [contida na Bíblia] e as confrontarmos com as crendices, dogmas, sofisma, fábulas e filosofias, e os vários argumentos capciosos no intuito de se enganar dos lugares apelidados de ‘igrejas’ denominações, igreja católica e evangélicas, instituições religiosas) e por estes argumentos fraudulentos [2Coríntios 11; 1Tessalonicenses 2], levam muitos a crer em represarias de DEUS e por conseguinte, sentirem medo por não estarem em uma igreja instituição e não fomentar a ajuda em doações, contribuições; e tudo isto através de intimidação, da forma mais predatória, mercenária e mesquinha.

Eis alguns dos credos que intimidam aos féis, meninos inconstantes:


- Precisamos ir há algum lugar ou templo para servir a DEUS??
Biblicamente, pelo contexto da Palavra, nunca, jamais [Atos 17].

- Nossa salvação está em frequentar lugares apelidados de ‘igrejas’??
Não, não e não, a salvação está somente no FILHO de DEUS [2Timóteo 2; Hebreus 9].

- Devemos adorar a DEUS na pessoa de Seu FILHO somente em templos ou lugares apelidados de ‘igrejas’??
De forma nenhuma, pois, “a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o PAI em espírito e em verdade; porque o PAI procura a tais que assim O adorem. DEUS é ESPÍRITO, e importa que os que O adoram O adorem em espírito e em verdade” [João 4].

- Por que se deve buscar templos ou lugares apelidados de ‘igrejas’??
Simplesmente para nada, uma vez que, são apenas lugares comuns em que até pessoas injustas, e muitas das vezes mal intencionadas se reúnem, apenas isto.

- Precisamos de homens (ou mulheres) pastores ou padres ou pessoas que diziam santas (como Maria) para nos interceder diante de DEUS??
Não, porque “há um só DEUS, e um só Mediador entre DEUS e os homens, JESUS CRISTO homem” [1Timóteo 2].


Enfim, nenhum líder espiritual ou liderança eclesiástica vos ensina uma das maiores verdades das Sagradas Escrituras sobre o servos de CRISTO:

Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a DEUS por JESUS CRISTO” [1Pedro 2].



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


março 04, 2015


Dízimo, liderança eclesiástica, instituição igreja, gospel... obras do deus deste século!!

[418,660]

Contexto bíblico 2Coríntios 4:

"Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de CRISTO, que é a imagem de DEUS."

Temos presenciado que muitos se dizem convertidos, entretanto, a luz do contexto da Palavra de DEUS [contida na Bíblia] nos mostra o contrário;

Ao longo das décadas, muito se têm ensinado pelos que se dizem estudiosos da Bíblia, cada qual contando um conto religioso, e assim, como diz o ditado, aumentando um ponto a seu favor; notadamente é o que vivem os evangélicos, católicos, e afins; verdadeiros convencidos.

Pois bem, entende-se que aqueles que com a boca confessam ao SENHOR JESUS, e em seus corações creem que DEUS O ressuscitou dentre os mortos, serão salvos, e porquanto, crentes em CRISTO JESUS; necessitamos, portanto, nos aprimorar em nossas posturas diante a sociedade como um todo, e trazer o engrandecimento do Reino de DEUS sobre a face da terra, sendo sal e luz.

Muitos se fazem religiosos e por suas expressões querem demonstrar que acreditam em DEUS, fazem-se evangélicos, o que comumente querem mostrar que vivem o evangelho (notou, evangelho, evangélico, parecem ser a mesma coisa, mas não é);

A maioria dos evangélicos se mostra ao mundo através de um linguajar, com expressões e jargões religiosos, tirados do contexto bíblico, porém usados de forma descontextualizada, que em nada ajuda aos menos entendidos e não traz edificação alguma; muitos fazem uso deste linguajar para ser aceito e fazer parte de um grupo religioso que diz cristianismo;

Este malfadado cristianismo, foi criado com fins de iludir pessoas que não se preocupam em comprovar pelo contexto da Palavra de DEUS [contida na Bíblia] a veracidade dos fatos divinos, aceitam qualquer ensinamento, se deixam levar por sofisma, dogmas, fábulas religiosas, tradições criadas por homens, uma religiosidade engajada no argumento capcioso com que se pretende enganar aos menos favorecidos pelo ESPÍRITO:
• As lideranças eclesiásticas se fazem mais importantes que o próprio DEUS e CRISTO [1Timóteo 2; Hebreus 8, 9 e 12; 1João 2]... 
• A cobertura espiritual é o manto da apostasia... 
• O congregar somente se faz se e somente se estiver dentro de algum lugar apelidado de 'igreja'...  
• A igreja instituição (e seus templos) tornou-se o lugar de uma suposta salvação [2Timóteo 2; Romanos 1; Hebreus 9]...  
• O gospel e suas músicas iletradas fingem em ser louvor... 
• Os dízimos (ofertas, donativos, contribuição voluntária, voto) se fizeram a moeda de barganha com DEUS (como se pudessem)... 
• As instituições religiosas (seja qual for) tornaram-se alegoricamente obra de DEUS [João 6:29], sendo a pior mentira do século!!


E tudo isto acontece porque a fé não é de todos [2Tessalonicenses 3].·.



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


fevereiro 19, 2015


Desigrejados e os rituais, liturgias...

[417,630]

Os verdadeiros seguidores (CRENTES) adoram ao DEUS CRIADOR em espírito e em verdade, e isto não se faz por determinados quantos tempos, ou seja, nunca desmerecendo às outras reuniões, afinal, nós desigrejados, adoramos a DEUS 24horas dia, e não com dias e horas pré-determinadas por alguns homens religiosos, para dirigir suas instituições...

... para nós, desigrejados, a reunião, quando nos congregamos, é um certo tempo, um momento de trocarmos experiências entre todos e não o que pensa 6dúzia de dirigentes eclesiásticos...

... a verdade nos mostra que nos próximos últimos 500anos a chamada igreja migrou-se para outra instituição (fez uma reforma) e transformaram-se em instituições protestantes, mas, particularmente, e notório que os evangélicos apenas fizeram e fazem adaptações dos rituais católicos, e tudo está e fica no meio religioso, o habito de repetir...

... mas, creio em CRISTO, que os desigrejados jamais e nunca viveram a possível repetição de dogmas e sofismas que os evangélicos estão adaptando dos católicos (exemplo clássico, natal), pois, nós desigrejados, não formamos instituições ou aglomerados, antes...


... desigrejados são famílias reunidas com outras famílias e alguns mais irmãos...


... portanto, os desigrejados que se reúnem em nome de CRISTO com seus familiares,  jamais pretendem a normalização de nossa reunião familiar cristã para se criar uma instituição religiosa, não queremos aglomerados e institucionalizações nesta terra...


... desigrejados querem almas que se rendem a CRISTO
e que mesmo "dispersas" neste mundo, não ficarão desgarradas!!!



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém!


.

fevereiro 11, 2015


Sair das igrejas evangélicas, católica, jamais é deixar de SER Igreja, simplesmente desigrejamos!!

[416,950]

Contexto bíblico Apocalipse 18:

"E ouvi outra voz do céu, que dizia:
Sai dela, povo meu, para que não sejas participante dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas."

Quando me apresento como "desigrejado" sempre aparece um para questionar o termo; diante isto, corroboro com a devida lógica ao termo:

Pois bem, o termo "desigrejado" está na neologia, ou, o emprego de palavras novas ou de novas acepções.

Abrindo um parenteses do qual é uma verdade incontestável, é que, as igrejas evangélicas, TODAS, e a igreja católica, não se entendem quando aos dogmas, ensinos e doutrinas, cada qual tem a sua, vivem da divisão religiosa, numa guerra de quem ajunta mais que o outro, e nunca do amor em conduzir almas a CRISTO. Se estou errado, prove!!

Portanto, voltando ao "desigrejado" é simples entender que, tão somente é um termo eclético de fontes bíblicas, que visualiza e se testifica através do evangelho de nosso SENHOR JESUS CRISTO em que adverte, nossa união não necessariamente se faz em instituições religiosas comumente chamadas de igrejas (eis a razão do termo), que não somos chamados para estar em uma instituição apelidada de "igreja" mas, para sermos Igreja de CRISTO;

E uma verdade incontestável é que, as lideranças eclesiásticas querem enganar e de forma pretensiosa tentam iludir, induzindo ao erro ou seduzindo 'suas' ovelhas em dizer que os desigrejados desviaram, porém, os desigrejados não deixaram a Igreja e muito menos desviaram da sã doutrina de CRISTO, apenas, saíram do sistema religioso ou seja, deixaram de frequentar lugares apelidados de "igrejas", a chamada igreja instituição.

CRISTO e os apóstolos, através do ensinamento bíblico, em momento algum, em nenhum relato afirmam que se deve fundar ou construir “igrejas físicas” ou templos, mas, há o ensinamento de que devemos nos reunir como Igreja em qualquer lugar [João 4], independente de nomes, placas, somos um em CRISTO, espalhados pelo mundo, professando o nome do CORDEIRO de DEUS.

Sabemos que há pessoas justas que buscam a CRISTO na igreja instituição, mas, via de regra ou ação padronizada, quer através da cultura religiosa, quer por influência, embora haja eventual inobservância de norma a respeito do caso, não são todas que querem a CRISTO e a maioria das lideranças eclesiásticas almejam é enganar e se enriquecer, do que propriamente conduzir almas a CRISTO, afinal, ninguém 'ganhaalmas, apenas, as conduzem.

E em verdade, JESUS não nos chamou para ficar enclausurados ou frequentar instituições religiosas com nome de igreja ou denominações ou igrejas evangélicas, não foi para ficar dentro de quatro paredes cantando musiquinhas religiosas, mas, JESUS ordenou: “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações”, assim, quem fica igrejado (frequentando lugares com nome de 'igreja'em templos não cumpre a ordenança de JESUS [Atos 1]: 

"ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra"...

... se é para dar testemunho de CRISTO até os confins da terra, como ficar somente dentro de um lugar apelidado de 'igreja' (4 paredes) apenas sentado e cantando?? Diz aí!!



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.

.

janeiro 30, 2015


A Bíblia não é a Palavra de DEUS.

[416,147]

Foto: Propaganda de Silas Malafaia.

A história bíblica nos é apresentada pelos homens de DEUS, inspirados pelo ESPÍRITO SANTO, que compuseram individualmente os livros que formam a Bíblia.

Porém, muitos têm se equivocado em admitir, outros usado de forma fraudulenta, outros se permitindo ao erro, em comum, ao afirmar o argumento capcioso de que a Bíblia é a Palavra de DEUS.

Definitivamente, a Bíblia não é a Palavra de DEUS!!

Alguns poderão estar estarrecidos com esta afirmação, porém, é a mais pura e cristalina verdade, testificada pela própria Palavra de DEUS.

Mas, como é isto??

Simples. Todos temos pleno conhecimento de que a Bíblia ao longo do tempo vem sendo adulterada (propositalmente), alguns mercenários religiosos movidos apenas pelo interesse pessoal e material a tem feito de forma comercial, de forma a render como mercadoria, produto, valor = NEGÓCIO; se estas Bíblias fossem a Palavra de DEUS, não seríamos justificados, ou melhor, estaríamos num mato sem cachorro caçando com gato e levando coelho por lebre;

E neste intuito, o que passivamente chamamos de Bíblia Sagrada, está longe de ser, afinal, durante séculos, religiosos vem inserindo ou extraindo aquilo a que mais lhes é agradável ou aprazível, fazendo crer que a Bíblia seja a Palavra de DEUS.

Centenas e milhares, através de estudos seculares e cursos (chamados de teologia) estão cada vez mais possuindo conhecimento bíblico (tornam-se PhD, doutores em divindade, bacharéis em vãs filosofias e mais uma porção de títulos seculares), porém, tudo isto por particulares interpretações do que nos apresenta a Palavra de DEUS, contudo, afastam-se sobremaneira do entendimento.

Enfim, necessário se faz, meditar exaustivamente (e ainda é pouco) no que nos diz os relatos bíblicos de Apocalipse 19, porquanto, poderemos entender um pouco do que nos diz o SENHOR DEUS acerca de Sua Palavra:

"E vi o céu aberto, e eis um cavalo branco;
e O que estava assentado sobre ele chama-se FIEL e VERDADEIRO;
e julga e peleja com justiça.
E os Seus olhos eram como chama de fogo;
e sobre a Sua cabeça havia muitos diademas;
e tinha um nome escrito, que ninguém sabia senão ELE mesmo.
E estava Vestido de veste tingida em sangue;
e o nome pelo qual se chama é a Palavra de DEUS.
"

Diante o que nos afirma e testifica o contexto bíblico e de tudo o que os homens pela religiosidade vem adulterando de forma carnal, leviana, fútil, débil, sarcástica, somos constrangidos a aceitar que a Bíblia não é a Palavra de DEUS;

E por fim, sem delongas, a expressão ao bem da verdade e ao evangelho e a sã doutrina de CRISTO, é que a Bíblia contém a Palavra de DEUS, a essência, o que constitui a natureza de qual seja a boa, agradável e perfeita vontade do CRIADOR!!


Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.

.

... marcadores