Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 21.jun.2017, Hebreus 4

Visto que temos um grande Sumo Sacerdote, JESUS, FILHO de DEUS, que penetrou nos céus, retenhamos firmemente a nossa confissão.
[Hebreus 6.20; 1.2-3; 8.1; 9.24; 10.12]
Porque não temos um Sumo Sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém Um que, como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado.
[2Coríntios 5.21; João 8.46; Hebreus 7.26; 2.17-18]
Cheguemos pois com confiança ao trono da graça, para que possamos alcançar misericórdia e achar graça, a fim de sermos ajudados em tempo oportuno.
[Efésios 3.12; Filipenses 4.6-7; Êxodo 25.17-22; Levítico 16.2; 1Crônicas 28.11]

[659,985]

janeiro 25, 2009

Vende-se “JESUS”



...
E entrou Jesus no templo de Deus, e expulsou todos os que vendiam e compravam no templo, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas” (Mateus 21.12)

Vislumbremos com os olhos da fé, nosso Amado Senhor, quando andava entre os homens, adentrando ao templo e indignando-se com os cambistas e vendedores de pombas, outrossim, também, com os que compravam...

Não foi nada sutil a atitude de Jesus, simplesmente expulsou aqueles mercenários derrubando mesas e cadeiras...

Mas, no século XXI...

Quem ainda não se deparou com algum objeto, camiseta, copo, caderno, caneta, com o nome de Jesus, algum versículo, frase religiosa?

Alguns ainda têm o disparate de dizer que isto é evangelização!

Estão escandalosamente utilizando o nome JESUS como comércio.

Há alguns dias um famoso avarento, noticiou, por exemplo, um caderno com o nome JESUS na capa, que através de sua agência, o vendia por R$ 19,90 – e um mesmo caderno similar, porém sem o nome JESUS, no Carrefour, sai por R$ 8,90...

Podemos ainda, depararmos com as famosas camisetas estampadas JESUS, sem falar no tal dos produtos 'gospel', e voltamos a dizer, insinuam que é para divulgar o nome de Jesus...

Este é sem dúvida um comércio que nosso Amado Salvador com certeza abomina, ainda que, todos os objetos comercializados com o nome JESUS, sempre são muito mais caro que seus similares, sempre há um exorbitante ganho financeiro através deste comércio, portanto, é enganoso afirmar sobre evangelização.

Jesus nos ordenou o Ide! Pregai o evangelho, e em verdade, sem ganho, sem avareza, fazê-lo por amor, ao Senhor e as almas!

Jesus em nenhum momento disse-nos para vender Seu nome, mas para anunciá-Lo!

Na contramão dos avarentos, Jesus nos comprou por bom preço! E preço de sangue!
...

8 comentários:

Meire disse...

A paz do Senhor, querido Irmão!
Respeito e compreendo seu ponto de vista! Há sim, algumas vezes o uso indevido do nome do Senhor, mas creio que há também bons exemplos e propostas nesse meio. Se é uma forma de transmitir a palavra e as mensagens de Jesus, não vejo tais trabalhos como algo negativo. Mas reconheço que há casos que visam apenas o lucro, no entanto, Deus não se deixa zombar, e os que o fazem, serão cobradospor Ele.

Que Deus possa guiá-lo sempre.
A Paz do Senhor...

james disse...

Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados, irmã Meire.

Concordo plenamente com a amada, entretanto, nosso relato se prende ao fato do comércio exacerbado com o nome Jesus, um ganho exagerado, e este comércio sabemos que não visa a divulgação do evangelho...

Com certeza, usarmos uma camiseta ou objeto com o nome de nosso Amado Salvador e/ou algumas frases que nos traz a Palavra de Deus, nos traz alegria e há a divulgação do evangelho...

Deus a abençoe e aos seus ricamente, e por sua amável visita ao nosso humilde blog.

Fraternalmente.

James, presbítero.
Jesus, o maior Amor
...
..
.

Ao toque do amor disse...

Oi, Bom Dia,
Passei pra deixar o meu carinho e te oferecer o Premio Dardos e Treasure friends Forever.
bjus

james disse...

Graça e paz vos sejam multiplicadas, irmã Sandra Veneziani.

É sempre muita alegria receber o carinho fraternal de nossos amados irmãos.

Deus a abençoe e aos seus ricamente, e por sua amável indicações de nosso humilde blog ao Prêmio Dardos e Treasure friends Forever.

Fraternalmente.

James, presbítero.
...
..
.

R. Reis disse...

Um absurdo.
Vi certo grupo de "louvor" vendendo cds em bancas de revista com músicas - já há muito gravadas - com a intenção de "alcançar e invadir toda a mídia" e ainda por cima dizer que isso foi "direção de Deus".
Agora o nome de Deus é usado para a vontade humana de enriquecer às custas dos evangélicos-matrix que ainda não acordaram dessa realidade gospel virtual.

E Maranata! Chega de apostasia!

A paz!

Rocelma Reis

http://tempodejabuticaba.blogspot.com/

james disse...

.

Graça e paz vos sejam multiplicadas, irmã Rocelma Reis.

Um verdadeiro absurdo a direção que este povo, avarento, tenta realizar, utilizando-se de “Deus”, como instrumento de vendagem...

Mas, louvemos a Deus, que nos retirou as escamas dos olhos e podemos enxergar com os olhos da fé, este mercenário mercado gospel evangélico, que utiliza de um povo que, conforme nos alerta a Palavra de Deus, os “quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus”, e assim, estes evangélicos-matrix, alimentam os famigerados mercadores de JESUS.

Deus a abençoe e aos seus ricamente, e por sua rica visita ao nosso humilde blog.

Fraternalmente.

James, presbítero.
...
..
.

Cleide. disse...

A paz Do Senhor....
Irmão James, fiquei muito alegre quando abri meu blog nesta manhã, e ver que estava seguindo, meu blog, que está no início.

Falando sobre, comércio do nome do Senhor Jesus, somente agora,lendo o texto que o senhor deixou, pude parar para pensar que é verdade, se queremos evangelizar não devemos visar lucros, mas eu já comprei várias coisinhas com o nome do Senhor Jesus, e com versículos.Mas quando queremos evangelizar temos que comprar de alguém.Mas nada melhor que nossa palavra com nosso carinho dirigidos pelo Espírito Santo.

Fica na paz.

james disse...

[]

Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados, irmã Cleide.

Sem dúvida alguma, entendemos que todo aquele que adquire “coisinhas” com o nome de nosso Amado Senhor Jesus e com versículos, querem com todo zelo, demonstrar o Amor que nosso Senhor tem por nós... os que compram querem demonstrar Jesus.

Mas, infelizmente, existe aproveitadores do nome JESUS... muitos dos que vendem querem ganhar lucros ao "demonstrar" Jesus.

Deus a abençoe e aos seus ricamente, e por sua amável visita ao nosso humilde espaço.

Fraternalmente.

James, presbítero.
...
..
.