janeiro 17, 2009

Classificam a Deus como mentiroso!




...
Quando nosso Amado Senhor Jesus, por quarenta dias e quarenta noites jejuou, e foi tentado no deserto, o tentador usou a Palavra de Deus para iludi-Lo as coisas materiais, conforme nos relata Mateus 4.1-11, Marcos 1.12-13 e Lucas 4.1-13, mas, nosso Amado Senhor sempre o refutou, também com a Palavra de Deus.

Posteriormente, nosso Amado Senhor, em Seu sermão da montanha, nos agraciou com as beatitudes, e dentre outras, sobre a ansiosa solicitude de nossa vida, e assim nos abençoa com Suas santas palavras em Mateus 6:

E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura?
E, quanto ao vestuário, por que andais solícitos? Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam;
Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos?
(Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas;
Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.
Não vos inquieteis, pois, pelo dia amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal
.


Note bem, Jesus nos garantiu que não nos inquietemos com que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos, pois, “todas estas coisas” nos “serão acrescentadas”, como também nos colocou em nossa ínfima posição, “E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados... ”.

Então, porque muitos estão buscando bênçãos materiais, casas, carros, posições superiores, ganhos financeiros, procurando que através de seus dízimos e dinheiros em ofertas possam atingi-los?

Jesus nos garante tudo isto, pela graça e não por dinheiro!

Mas, como afirmo que classificam Deus como mentiroso? Simples! Jesus nos garantiu tudo o que necessitamos, então, se evangélicos afirmam que Deus os abençoa por que são dizimistas, logo, Deus seria mentiroso, por que Deus “bem sabe que necessitais de todas estas coisas”, não pode negar-se a si mesmo.

Mas, o tentador sabendo de toda a ansiedade humana, está usando pastores, das mais diversas denominações, assim como tentou fazer com Jesus, faz com que estes utilizem a Palavra de Deus, levando multidões a se distanciarem de Deus, através das barganhas dizimistas...

E, assim, os dízimos e ofertas mirabolantes, nas barganhas, mantêm os propósitos malignos, pois, com estes, igrejas e mais igrejas vão se enriquecendo e inchando através das promessas de engrandecimento financeiro, mas, é infalível, o empobrecimento espiritual! Com isto, milhões e milhões de almas, vão perecendo, apesar de algumas, ricas materialmente, mas mortas espirituais... “Porque, que aproveita ao homem granjear o mundo todo, perdendo-se ou prejudicando-se a si mesmo?” (Lucas 9.25)

"Quanto mais dízimos, mais igrejas. Quanto mais igrejas, menos fé".
...

2 comentários:

Heitor de Moraes disse...

Paz so Senhor!
concordo com seus comentários.
Devemos buscar primeiro o reino dos céus e a sua justiça.
Que Deus continue te abençoando!
Amém.

james disse...

Graça e paz vos sejam multiplicadas, irmão Heitor de Moraes.

Sempre que o homem não se humilhar e examinar as Sagradas Escrituras, ele sempre estará andando por caminhos tortuosos, nunca estará na presença de Deus, e assim, será presa fácil do tentador...

Deus o abençoe ricamente, e por sua nobre visita ao nosso humilde blog.

Fraternalmente.

James, presbítero.
...
..
.