Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 06.ago.2017, João 6

Disse-lhes pois JESUS: Na verdade, na verdade vos digo: Moisés não vos deu o pão do céu;
mas Meu PAI vos dá o verdadeiro pão do céu.
[Êxodo 16.4,8; Salmos 78.23; João 1.9; 6.33,35]
Porque o pão de DEUS é aquELE que desce do céu e dá vida ao mundo.
Porque faz que o Seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.
[João 6.50; 1João 1.1-2]
Disseram-lhe pois: SENHOR, dá-nos sempre desse pão.[João 4.15; Salmos 4.6]
E JESUS lhes disse: EU SOU o pão da vida; aquele que vem a MIM não terá fome;
e quem crê em MIM nunca terá sede.
[Mateus 11.28; João 5.40; 6.41; Apocalipse 7.16; Isaías 49.10; 55.1-3]

[669,530]

março 29, 2010

Quem guarda a Páscoa?

.
Nossos irmãos do site “Chamada”, são bem enfáticos, a Bíblia proclama ser a Palavra do único Deus verdadeiro. Somando-se as provas históricas, arqueológicas e científicas, há muitas provas nEla mesma. Não existem tais evidências para outros “escritos sagrados”, portanto, quando nos referimos a Jesus Cristo, Páscoa, devemos nos reportar aos Sagrados escritos e não em ensinamentos de homens...

Os judeus, não os árabes, foram escravos no Egito por quatrocentos anos, daí trazidos na quarta geração para a terra de Canaã. Os árabes não entraram na “Palestina” até a invasão brutal no século VII, depois que os judeus já haviam se estabelecido ali por mais de 2000 anos. Isso é História irrefutável, provada pela Páscoa. A libertação de Israel aconteceu através do juízo de Deus na forma das dez pragas sobre o Egito. Na última foi requerido o sacrifício de um cordeiro por aqueles que quisessem escapar daquela terra amaldiçoada. Esse evento deveria ser comemorado para sempre com a refeição da Páscoa, introduzida naquela noite histórica:“Este dia vos será por memorial... Quando vossos filhos vos perguntarem: Que rito é este? Respondereis: É o sacrifício da Páscoa ao Senhor... quando feriu os egípcios e livrou as nossas casas” [Êxodo 12.14,26-27].

Quem guarda a Páscoa? Não são os árabes! Só os judeus a guardam pelo mundo todo até o presente. Quando um evento testemunhado por muitas pessoas é comemorado imediatamente, de um modo especial e guardado para sempre, temos aí a prova de que aconteceu como foi instituído. A Páscoa comemorada anualmente prova a escravidão de Israel no Egito e a sua libertação, como a Bíblia declara, e também que os judeus são os herdeiros de Abraão, com direito de posse sobre aquela terra, com uma promessa que Deus por Seu beneplácito os agraciou há 4000 anos.

Não-judeus não tem direito nem propósito em guardar a Páscoa judaica.

No entanto, tem se tornado popular que cristãos gentios celebram o seder judeu. É verdade que o cordeiro pascal simboliza Cristo, o Cordeiro que Abraão [Gênesis 22.8] disse a Isaque que Deus proveria – mas o mesmo acontece com cada oferta levítica. No entanto, os cristãos não as oferecem mais hoje em dia. Então, por que celebram a Páscoa? Ela comemora o livramento ancestral do Egito, do qual os gentios não têm parte.

Mas a “Última Ceia” não era a Páscoa, e Cristo não deu a Ela um significado novo, dizendo que deveria ser celebrada continuamente até a Sua volta? Um significado novo? Impossível! A refeição da Páscoa, o cordeiro, tem um significado histórico envolvendo uma aliança eterna [Gênesis 17.7; 1Crônicas 16.15-18, etc.] a respeito da Terra Prometida. Esse significado não pode ser mudado. Aos judeus (não aos gentios) é ordenado guardar a Páscoa para sempre [Êxodo 12.14]. O próprio Cristo não poderia ter dado um “novo significado” para a Páscoa.

Além do mais, a Última Ceia não era a Páscoa. Ela ocorreu na noite “antes da Festa da Páscoa” [João 13.1] e sem um cordeiro. Na manhã seguinte os judeus ainda estavam se guardando purificados para que pudessem “comer a Páscoa” [João 18.28]. Aquela tarde, quando Cristo estava sobre a cruz, era ainda a “parasceve pascal [preparação da Páscoa]” [João 19.14] – Os cordeiros ainda estavam sendo sacrificados para serem comidos na refeição da Páscoa naquela noite.

Mas Jesus não disse: “Tenho desejado ansiosamente comer convosco esta Páscoa, antes do meu sofrimento” [Lucas 22.15]? Sim, mas “esta Páscoa” não é a mesma com o cordeiro assado guardada somente pelos judeus em memória da libertação do Egito. “Esta Páscoa” foi algo novo inaugurado por Cristo a ser comemorado com pão e vinho (em memória do Seu corpo partido e de Seu sangue derramado) por todos que crêem nEle (judeus e gentios).

Por que, então, Jesus chamou essa nova instituição de Páscoa? Porque como Israel foi libertado do Egito pela morte de um cordeiro, assim ela comemora a libertação, dos que crêem, do pecado, do mundo pecaminoso e do julgamento por vir, através do verdadeiro “Cordeiro de Deus”: “Porque, todas as vezes que comerdes este pão e beberdes o cálice, anunciais a morte do Senhor, até que ele venha” (1Coríntios 11.26]. Paulo disse: “Pois também Cristo, nosso Cordeiro pascal, foi imolado” (1Coríntios 5.7].

Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.

.
______________

7 comentários:

Anônimo disse...

Amado irmão! gostei muito da sua explicação exposto através deste estudo. Visto que muitas pessoas confundem a páscoa com a Ceia do Senhor. Com apresso ao conhecimento do irmão poderia também trazer estudo sobre a ceia do Senhor, pois que muitos chamam de "santa" ceia, e que acreditam ser ali realmente o corpo e o sangue de Cristo, e não apenas algo simbólico como um memorial descrito nas Sagradas Escrituras. Felicidades, e fica na paz do Senhor Jesus.

james disse...

.


Graça e paz vos sejam multiplicadas, amado em Cristo.



Infelizmente, muitos tem proclamado festas e celebrações que não condizem com a vontade de Deus e Sua Palavra, muito também é a mistura de tudo quanto o Senhor nos ensina, e tudo isto, por que crêem em ensinamentos de homens...

Quanto ao estudo sobre a Ceia do Senhor, é uma maravilhosa celebração, e como o amado afirma, também é deturpada pelos religiosos de plantão, mas, tão logo seja possível, traremos o que a Palavra de Deus nos ensina e orienta ao maravilhoso advento em anunciar a morte do Senhor até que venha!!!


Deus o abençoe e aos seus ricamente.


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.

Fraternalmente,


irmão James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"
Comunidade "Blogueiros Cristãos"



...
..
.

João disse...

Olá td bem?
Gostaria de saber se vc aceita parceria troca de baner .
Aguardo retorno.
contato@amorcristao.co.cc

João disse...

Olá A PAZ
Gostaria de saber se vc aceita parceria troca de baner .
Aguardo retorno.

http://www.amorcristao.co.cc

contato@amorcristao.co.cc

james disse...

.


Graça e paz vos sejam multiplicadas, amado em Cristo.



Irmão João,


É motivo de muita alegria em compartilharmos nossas trocas de banner.

Deus o abençoe e aos seus ricamente, e por sua visita ao nosso humilde blog.


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.

Fraternalmente,


irmão James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"
Comunidade "Blogueiros Cristãos"



...
..
.

Grupo de Oração Missão Fogo Novo disse...

Parabens!!! Essa leitura me trouxe mto conhecimento e é com grd satisfação que lhe digo, uso mtos conhecimentos deste blog para compartilhar com as postagens que estarei descrevendo em missaofogonovo.blogspot.com no grupo de oração que participo. E que Deus esteja sempre entre nós!

james disse...

.


Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados, amados em Cristo.


Irmãos Grupo de Oração Missão Fogo Novo,

Louvemos ao nosso Deus!

Nos traz imensa alegria que, de alguma forma, nosso humilde espaço tenha trago algo que lhes foi proveitoso, pois, tudo quanto aqui se apresenta é para a honra, para a glória e para o louvor de nosso Senhor Jesus Cristo.

Deus nos abençoe nesta rica caminhada, e que os desígnios do Senhor nos mostrem como sermos verdadeiros adoradores, independente de quatro paredes, mas nas tábuas de nossos corações, edificando-nos uns aos outros...

Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.

Fraternalmente,

irmão James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"
Comunidade "Blogueiros Cristãos"


...
..
.