março 23, 2013

Lideres de ‘igrejas’ nada tem a ensinar.

[321172]

Ninguém sabe as coisas de DEUS, senão o ESPÍRITO de DEUS.

Está escrito: “As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem, são as que DEUS preparou para os que O amam. Mas DEUS no-las revelou pelo Seu ESPÍRITO; porque o ESPÍRITO penetra todas as coisas, ainda as profundezas de DEUS” [1Coríntios 2];

Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está?

Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o ESPÍRITO que provém de DEUS, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por DEUS.

Os desigrejados, nós que somos desvinculados de lugares apelidados de ‘igrejas’ (igreja instituição), nada propomos saber entre todos, senão a JESUS CRISTO, e ESTE crucificado.

Vivemos em fraqueza, e em temor, e em grande tremor.

Nossa palavra, e a nossa pregação, não consistem em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de ESPÍRITO e de poder; para que a fé de todos não se apoie em sabedoria dos homens, mas no poder de DEUS.

Todavia falamos não, a sabedoria deste mundo, nem dos lideres religiosos, alguns donos, de lugares apelidados de ‘igrejas’ (igreja instituição), que se aniquilam com palavras mortas;

Mas falamos a sabedoria de DEUS, oculta em mistério, a qual DEUS ordenou antes dos séculos para nossa glória; a qual nenhum dos lideres religiosos conheceu; porque, se a conhecessem, nunca blasfemariam ao SENHOR da glória.

As lideranças religiosas não ensinam que a Igreja de DEUS é simplesmente ‘pessoas’, que professam ao FILHO de DEUS como SENHOR e SALVADOR, Ela se reúne onde estiverem dois ou três no nome do SENHOR [Mateus 18], não em nome de uma instituição religiosa apelidada de ‘igreja’ criada e nomeada por homens.

As quais também falamos, não com palavras de sabedoria humana, mas com as que o ESPÍRITO SANTO ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais" [ 1Coríntios 2 ].

O ensino do ESPÍRITO SANTO nos agracia que a Igreja é gente reunida para servir uns aos outros, servir aos irmãos, servindo ao SENHOR; a Igreja não é uma instituição religiosa (lugares apelidados de ‘igrejas’) onde as pessoas vão aos cultos em um templo por dias pré determinados.

A realidade do ensino do ESPÍRITO SANTO contempla aos que vivem a Igreja de forma simples, desigrejados ou desvinculados de locais apelidados de ‘igrejas’, não somos melhores que ninguém, nem mais perfeitos, nem mais santos, nem mais justos, mas, simplesmente entendemos e vivemos essa realidade, pelo fundamental ensino do SENHOR JESUS através de Seus apóstolos (que já partiram para o SENHOR).

Vivemos a igualdade entre os irmãos, não aceitamos em nosso meio um clero, uma ordem hierárquica, mas vivemos a máxima do SENHOR: “Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi, porque um só é o vosso MESTRE, a saber, o CRISTO, e todos vós sois irmãos” [Mateus 23];

Essa é a máxima do SENHOR, que sejamos apenas irmãos, simples assim, sem rigor, regras, crendices, homens mais poderosos que outros, tais como proprietários de ‘igrejas’, presidentes vitalícios de ministérios...


Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


2 comentários:

Fundação: "O Reino dos Justos" disse...

“Eis como sabemos que o conhecemos: Se guardamos os seus mandamentos. Aquele que diz conhecê-lo e não guarda os seus mandamentos é mentiroso e a verdade não está nele. Aquele, porém, que guarda a sua palavra, nele o amor de Deus é verdadeiramente perfeito. É assim que conhecemos se estamos nele: aquele que afirma permanecer nele deve também viver como ele viveu.” Ep. Jo 2,6
Estais dispostos a formar uma família como a dele? Ali está a salvação!

Missionário Luiz. disse...

Irmão James, homem amado de Jesus Cristo de Nazaré, graça e paz de nosso senhor e salvadoor Jesus Cristo amém?
No livro de Apocalipse 3.22 diz: Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz ás igrejas.
O ESPÍRITO DIZ ÀS IGREJAS ASSIM:
Devemos sempre ter em mente a distinção entre as igrejas locais e o Espírito Santo. As igrejas estão subordinadas ao Espírito de Deus e à sua Palavra inpirada; ver 2 Timóteo 3.15,16; 1 Pedro 1.24,25; 2 Pedro 1.20.21. Essa distinção entre o Espírito e as igrejas locais pode ser expressa através das seguintes Verdades bíblica:
O Espírito Santo não é propriedade das igrejas, nem de qualquer instituição humana. Ele é o Espírito de Deus e de Jesus Cristo, e não o Espírito das igrejas; ver Apocalipse 3.1. O Espírito é livre para operar onde quiser, de conformidade com os padrões justos de Deus; ver João 1.33; 4.24; 7.39; 14.17.O Espírito Santo representa o Senhorio atual de Jesus Cristo sobre as igrejas, mas muitos cristãos estão dormindo no sono da mornidão espiritual da fé e estão dando ouvidos as fábulas humanas, seguindo homens carnais. O Espírito Santo e a original Palavra de Deus são a autoridade final e única. As igrejas e seus membros devem constantemente julgar suas normas de fé e conduta pelo Espírito Santo. Uma igreja não deve depositar fé noutra igreja e nem depositar fé à homens carnais que vemos nos dias atuais nas igrejas templos, e nem obedecer ou seguir outra igreja e líderes com paixões humanas. O Espírito Santo e a Palavra inspirada são maiores do que as igrejas hitóricas, e o homem? Ou seja, o homem é um simples pó da terra! O Espírito Santo permanecerá em qualquer lugar, igrejas, etc somente á medida que estes permanecerem fiéis a Jesus Cristo e à sua Palavra e observar o que o Espírito Santo está dizendo ás igrejas ao povo de Deus que estão com ouvidos tampados e não escultam sua voz; ver Apocalipse 2.5,16,22,23; 3.3,15,16.