Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 14.abr.2017, Jeremias 18

Então veio a mim a palavra do SENHOR, dizendo:
Não poderei EU fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? diz o SENHOR. Eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na Minha mão, ó casa de Israel.
[Isaías 64.8; 45.9; Mateus 20.15; Jeremias 18.4; Daniel 4.23]
No momento em que falar contra uma nação, e contra um reino para arrancar, e para derrubar, e para destruir,
[Jeremias 1.10; 12.14-17; 25.9-14; 45.4; Amós 9.8]
se a tal nação, porém, contra a qual falar se converter da sua maldade, também EU ME arrependerei do mal que pensava fazer-lhe.
[Jeremias 26.3,13; Ezequiel 18.21; Juízes 2.18]

[628,570]

agosto 28, 2010

Glória de Deus

.
O Filho veio a este mundo para trazer a glória de Deus, para torná-la acessível a nós, homens miseráveis, perdidos, carregados de pecados, e para nos introduzir nessa glória...

E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade” [João 1];

De que glória se trata?

Não podemos definir glória.

Glória é a plenitude de Deus, seu conceito é muito elevado para nossas mentes finitas e limitadas, porém, quando o Senhor dá a Sua glória, dá a Si próprio, não se divide em partes;

Esta é a glória de Deus; o fato de Ele se dar em plenitude e nunca parcialmente.

O próprio Senhor Jesus Cristo respondeu esta pergunta na oração sacerdotal quando disse:

E agora glorifica-me tu, ó Pai, junto de ti mesmo, com aquela glória que tinha contigo antes que o mundo existisse” [João 17];

Em Sua própria pessoa, Jesus nos trouxe a glória de Deus, glória tão grande que homem nenhum pode suportá-la, glória que Ele já tinha junto ao Pai, antes da fundação do mundo.


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.
.
_____________

2 comentários:

mary disse...

Paz do Senhor Jesus!
James..tudo bem?
Por mais que tentemos usar algum tipo de definição, ou retratar de alguma maneira, não acharemos adjetivos, pois somos incapazes de ter discernimento desta dimensão que é a Glória do nosso Pai; mas sabemos o Quão grande é esse amor, e o quanto Ele, quer nos agraciar com Sua glória!



"Porque, se o que era transitório foi para glória, muito mais é em glória o que permanece."
(2 Coríntios 3:11)

Deus seja contigo, por toda sua vida, e que a Glória do Pai, se estenda sobre voce de uma maneira grandiosa, lhe trazendo a possiblidade de levar a Palavra a tantos que longe estão e precisam de conhece-LO!


mary

Barbosa disse...

Querido irmão em Jesus Cristo JAMES,graça e paz de Jesus Cristo de Nazaré. Este Versículo de João 1.14, fala muito ao meu coracão.
Belo texto simples e objetivo. DEUS te abençõe meu irmão!
E O VERBO SE FEZ CARNE.
Jesus Cristo,o DEUS eterno,tornou-se humano; ver Filipenses 2.5,9. NEle se uniram a humanidade e a divindade,de modo humilde,Jesus entrou na vida e no meio-ambiente humano com todas as limitações das experiências humanas; ver João 3.17; 6.38,42; 7.29; 9.5; 10.36.
O UNIGÊNITO DO PAI.
O termo "unigênito" não significa que Jesus cristo foi um ser criado. Pelo contrário,a declaração refer-se ao seu relacionamento exclusivo com o PAI(DEUS),e ao fato de Jesus ser o Filho de DEUS desde toda a eternidade. Aqui temos a sua filiação em relação ao DEUS TRINO; ver João 1.1,18; 3.16,18; Marcos 1.11.
HAJA EM VÓS O MESMO SENTIMENTO.
O apóstolo Paulo enfatiza como o senhor Jesus Cristo deixou a glória incomparável do céu e humilhou-se com um servo,sendo obediente até a morte para o benefício dos outros dos homens; ver Filipenses 2.5,8. A humanidade integral de Jesus deve existir nos seus seguidores,os quais foram chamados para viver com sacrifício e renúncia,cuidado dos outros do seu próximo e fazendo-lhes o bem.
SENDO EM FORMA DE DEUS.
Jesus Cristo de Nazaré sempre foi DEUS pela sua própria natureza e igual ao PAI antes,durante e depois da sua permanência na terra; ver João 20.28. Jesus Cristo,no entanto,não se apegou aos seus direitos divinos,mas abriu mão dos seu privilégios e glória no céu,a fim de que nós,na terra,fôssemos salvos.
ANIQUILOU-SE A SI MESMO.
Em filipenses 2.7 diz: Mas aniquilou-se a si mesmo,tomando a forma de servo,fazendo-se semelhante aos homens. O texto grego do qual foi traduzida estás
A frase,diz literalmente,que Jesus "SE ESVAZIOU",e,deixou de lado sua glória celestial,posição,riquezas,direitose uso de prerrogativas divinas. Esse "ESVAZIAR-SE" importava não somente em restrição voluntária dos seu atributos e previlégios divinos,mas também na aceitação do sofrimento,da incompreensão,dos maus tratos,do ódio e,finalmente,da morte de maldição na cruz; ver Filipenses 2.7,8.
Em João 1.1 diz: No princípio,era o Verbo,e o Verbo estava com Deus,e o Verbo era Deus.
O VERBO JESUS CRISTO DE NAZARÉ.
João começa seu Evangelho donominando Jesus Cristo de "O VERBO" no grego(Logos). Mediante este títulado de JESUS CRISTO,João o apresentava como a PALAVRA PERSONIFICADA e declara que nestes últimos dias DEUS nos falou através do seu Filho;
ver Hebreus 1.1. As Escrituras declaram que Jesus Cristo é a sabedoria multiforme de DEUS e a perfeita revelação da natureza e da pessoa de DEUS. Assim como as palavras de um homem revelam o seu coração e mente,assim também Jesus Cristo,como "O VERBO VIVO",revela o coração e a mente de DEUS;
ver I Coríntios 1.30; Efésios 3.10,11; Colossenses 2.2,3; João 1.3,5.; 14.18; Colossenses 2.9; João 14.9. O relacionamento entre o Verbo Jesus Cristo e o mundo. Foi por intermédio de Jesus que DEUS PAI criou o mundo e o sustenta; ver João 1; Colossenses 1.17;Hebreus 1.2; I Coríntios 8.6.
FIQUEM NA PODEROSA PAZ DE JESUS CRISTO DE NAZARÉ.