Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 12.set.2017, Amós 2

Assim diz o SENHOR: Por três transgressões de Israel e por quatro, não retirarei o castigo, porque vendem o justo por dinheiro e o necessitado por um par de sapatos.
[Joel 3.3; 2Reis 18.12; Amós 5.11-12]
Suspirando pelo pó da terra sobre a cabeça dos pobres, eles pervertem o caminho dos mansos; e um homem e seu pai entram à mesma moça, para profanarem o Meu santo nome.
[Amós 5.12; Isaías 10.2; Ezequiel 22.11; Miqueias 2.2]
E se deitam junto a qualquer altar sobre roupas empenhadas e na casa de seus deuses bebem o vinho dos que tinham multado.
[Amós 6.6; Êxodo 22.26-27; Deuteronômio 24.12-17; Juízes 9.27; Isaías 57.7]
Não obstante EU ter destruído o amorreu diante deles, a altura do qual era como a altura dos cedros, e cuja força era como a dos carvalhos; mas destruí o seu fruto por cima e as suas raízes por baixo.
[Malaquias 4.1; Números 13.32-33; 21.23-25; Jó 18.16; Gênesis 15.16]

[676,340]

julho 02, 2015


A idiotização coletiva religiosa

[429,750]

Contexto bíblico 2Timóteo 4:

"Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências;"

Como tenho ressaltado, desde os primórdios da humanidade, a maioria de homens e mulheres não conseguem por si só buscar a DEUS, antes, sempre precisam de que outro mastigue algum estrume religioso e lhes dê a saborear, como se apalpando, possam (de maneira nenhuma) atingir à DEUS;

E neste meio tempo, iniciou-se a instituição religiosa intitulada "católica" (ICAR) como roubando para si o compêndio a ser Igreja de CRISTO, na verdade, insanidade religiosa.

E seguindo os passos desta instituição auto proclamada como caminho para salvação ("extra Ecclesiam nulla salus" ou, em outras palavras, o despautério de que, fora da igreja instituição não há salvação), para tudo isto, aproveitando a deixa de Martinho Lutero (monge católico, que buscou a moralização espiritual da igreja católica), a partir da idade média, outros espertalhões começaram a criar suas próprias instituições (batistas, wesleyanos, Assembléia, luteranos, o sistema religioso) sem nunca deixarem o sofisma, dogma e crendices católicas.

Pelo exposto, está caracterizada a idiotização coletiva religiosa através da igreja instituição, lugares apelidados de igrejas' que aglomeram milhares e milhares de preguiçosos na leitura da Palavra de DEUS [contida na Bíblia], de pessoas incautas, meninos na fé, que precisam das migalhas elaboradas por mercenários religiosos que única e exclusivamente, usurpam da falta de entendimento e da falta da razão, de pessoas que não conseguem acreditar que DEUS atingiu-nos através do ESPÍRITO SANTO e não por homens travestidos de lideranças eclesiásticas.

Nos espanta, como pessoas bem esclarecidas, pessoas de nível superior, podem se entregar fielmente à homens medíocres e mercenários, se agarrando nas asneiras que estes cospem de seus palcos religiosos; pessoas bem sucedidas e até miseráveis entregam suas dádivas sem nenhuma razão lógica, entregam seus suores de forma leviana aos levianos que prometem prosperidade e solução de problemas terrenos;

Longe da razão e da lógica divina, este povo da idiotização coletiva religiosa ou, membresia da igreja instituição, trocam a espiritualidade em se buscar e adorar a DEUS em espírito e em verdade (João 4),  pela busca da materialidade...

... e quem se aproveita, usurpa disto, são as lideranças eclesiásticas, o bando daqueles que se locupletam das benesses, aquilo que vem sem trabalho algum, contrariando as palavras de Paulo, "se alguém não quiser trabalhar, não coma também" (2Tessalonicenses 3), afinal, as lideranças eclesiásticas não querem pegar no batente, na labuta, na enxada, no trabalho pesado, por que, de terninho e gravata é mais confortável, há trouxas para lhes pagar as contas e sustentar suas proles, que em muitos dos casos são filhos problemáticos, dispersos do evangelho.



Porque dELE e por ELE, e para ELE, são todas as coisas; glória pois, a DEUS eternamente;
Nos interesses da Igreja que CRISTO edificou. Amém.


Nenhum comentário: