Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 12.set.2017, Amós 2

Assim diz o SENHOR: Por três transgressões de Israel e por quatro, não retirarei o castigo, porque vendem o justo por dinheiro e o necessitado por um par de sapatos.
[Joel 3.3; 2Reis 18.12; Amós 5.11-12]
Suspirando pelo pó da terra sobre a cabeça dos pobres, eles pervertem o caminho dos mansos; e um homem e seu pai entram à mesma moça, para profanarem o Meu santo nome.
[Amós 5.12; Isaías 10.2; Ezequiel 22.11; Miqueias 2.2]
E se deitam junto a qualquer altar sobre roupas empenhadas e na casa de seus deuses bebem o vinho dos que tinham multado.
[Amós 6.6; Êxodo 22.26-27; Deuteronômio 24.12-17; Juízes 9.27; Isaías 57.7]
Não obstante EU ter destruído o amorreu diante deles, a altura do qual era como a altura dos cedros, e cuja força era como a dos carvalhos; mas destruí o seu fruto por cima e as suas raízes por baixo.
[Malaquias 4.1; Números 13.32-33; 21.23-25; Jó 18.16; Gênesis 15.16]

[676,340]

outubro 24, 2012

A supremacia religiosa nas ‘igrejas’

[279085]

Em Seu amor, por Seu poder, Deus tem agraciado a humanidade; desde os primórdios tem derramado atributos e dons que fortalecem aos homens na caminhada a santificação, no amor ao próximo, na ajuda aos pobres e necessitados;

E, contrária ao amor divino, a religiosidade disfarçada nas religiões tem seu próprio “poder”, faz negócio, comércio, amedronta, ameaça, afasta o ser humano de Deus, faz divisão, reprime a todos os tornando falsos, por ela muitos se autodenominam exclusivos de Deus, se “ungem” para militar em causa própria, fundam e criam suas instituições religiosas apelidadas de “igrejas” (igreja instituição) alimentando seus “egos”, através de dogmas e sofisma buscam as pessoas para que acreditem em suas teorias do achismo; e porque??

Por que as religiões são para os que necessitam e buscam alguém que lhes proporcione imposições, ditam regras do que devem fazer, necessitam ser guiados por homens de títulos eclesiásticos (pastor, padre, bispo, missionário, após“tolo”, reverendo...), pois, querem um cristianismo de facilidades que não reconhece o sofrimento vicário de Cristo, e buscam a um “deus” para satisfazer a avareza, seus desejos imoderados e inconfessáveis de possuir as coisas materiais.

Religiosidade
1 Atitude do que é religioso;
2 Inquietação do espírito que hesita em obrar receando que o ato não seja lícito;
3 Hesitação;
4 Nojo; asco; repugnância;

Através desta necessidade de milhares em ser controlados por homens de títulos eclesiásticos, estes religiosos se especializaram na persuasão e enriquecimento com a fé alheia, entretanto, Deus já os tem repreendido por usurparem de outrem [Jeremias 22.13-17].

Milhares de milhares por não suportarem a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoam para si religiosos conforme as suas próprias concupiscências; querem ouvir pregações e sermões destes religiosos (pregadores das igrejolas evangélicas, católica), que se prendem ao desdém dos ridículos e exagerados programas evangélicos na tv, que marcham atrás de uma patética cobertura espiritual de outros homens de títulos eclesiásticos também pecadores;

Embora, estes milhares de milhares creem em homens pregadores eloquentes, é imprescindível que precisam em verdade é se renderem a pregação que Jesus Cristo nos proporcionou através de uma fala com vida, em ações práticas pelo linguajar do povo;

Os homens de títulos eclesiásticos são pregadores que pregam, falam o que a maioria quer ouvir, por que não possuem compromisso com Deus pelo evangelho.

Voltemos a simplicidade do evangelho que traz uma pregação que efetua o que promete ou o que se espera; que causa o resultado inicialmente pretendido que é levar as pessoas a Deus por Jesus Cristo;

É necessário buscar a Cristo como modelo a ser seguido; mesmo por que, a maioria dos homens de títulos eclesiásticos são desprovidos de quaisquer vivência divina para buscar a transformação real e verdadeira que Cristo nos proporcionou ao morrer na cruz do Calvário em nosso lugar.


Porque dEle e por Ele, e para Ele, são todas as coisas; glória, pois, a Deus eternamente;
Nos interesses da Igreja que Cristo edificou. Amém.

.

2 comentários:

Nike disse...

James, Sabado eu vi na tv um programa evangélico o pastor Jorge Linhares lider da igreja da Getsêmani em BH MG, dizer babozeiras sem limites.
Uma delas é: Ele disse: Essa de ficar de reunir em casa é do diabo, e isto era da igreja primitiva, e foi a época que mais se havia problemas.
Como pode dizer isto James?
Se ele próprio tem mandou fazer celula de reunião em casa dos irmãos da sua igreja por quase toda BH!
É o contrário, nos tempos de hoje nas igrejas é onde se encontra mais mundanismo e falsa doutrina do que no tempo primitivo.
Será que ele não sabe que nos últimos dias não teremos mais onde reunir pois os cristãos fiéis serão perseguidos.
E ele disse mais falando em público que aquilo que ele falou era ira santa.
Dá para descer com esta?
Será que só nas igrejas de paredes é o lugar certo conforme o pastor disse?
Pelo que sei Jesus Cristo disse, onde estiver dois ou mais reunidos em meu nome lá eu estarei.
Jesus Cristo quis dizer em todos lugares desta terra que estiverem reunidos em seu nome, lá ele vai estar.
O pior disto tudo que ele chamou o irmão de Ô cara vai converter e não de irmão quem escreveu para ele.
É um belo exemplo que estão pregando por aí.

Nike disse...

James se os irmãos quizerem o e-mail do pastor Jorge Linhares da igreja Getsêmani em BH MG, para os irmãos debaterem esta heresia que ele disse o seu e-mail é: falecompastor@getsemani.com.br.
Meu irmão James, a igreja deste pastor Jorge é uma Laudicéia do Apocalipse, uma tremenda festa carnal, e atrações dos homens e não do Espírito Santo.
E os pastores quem administram os cultos nas igrejas, pois lá tem duas, são os mesmos há anos, e o pior de tudo, que são amigos do pastor Jorge, será que a amizade é mais do que a escolha de Jesus para liderar sua obra?
No culto na hora da pregação, no decorrer dela, eles param a pregação e ficam fazendo piadinhas e falando de time de futebol, esta é é uma das pregações deles.
Pelo que sei Jesus Cristo disse que a minha casa será chamada casa de adoração e não de salteadores etc.
É isto que ele quer? Fazer os outros de idiotas? Chega! basta! Pastor Jorge e seus seguidores de homens.
A igreja é de Jesus Cristo e não de pastores, de homens sujeito ao pecado, em que dele em si nada presta.
Esta é sim Verdadeira ira santa, não a dele que vem fazendo com o evangelho de comércio e expetáculo mundano dentro da igreja instituição financeira.