Contexto SAGRADAS ESCRITURAS, 28.mar.2017, Atos 22

E ele disse: O DEUS de nossos pais de antemão te designou para que conheças a Sua vontade, e vejas aquELE Justo, e ouças a voz da Sua boca.
[Atos 26.16; 1Coríntios 9.1; 15.8]
Porque hás-de ser Sua testemunha para com todos os homens do que tens visto e ouvido.
[Atos 1.8; 23.11; 4.20; Lucas 24.47-48; João 15.27]
E agora porque te deténs? Levanta-te, e baptiza-te, e lava os teus pecados, invocando o nome do SENHOR.
[Atos 2.21,38; Hebreus 10.22; 1Coríntios 6.11]

[616,240]

março 04, 2012

Altar consagrado a Deus, não é palco.

[207260]



Nos tempos antigos, muitos foram os altares edificados ao SENHOR, ligação entre Deus e os homens...
... “E ali edificarás um altar ao SENHOR teu Deus, um altar de pedras; não alçarás instrumento de ferro sobre elas. De pedras brutas edificarás o altar do SENHOR teu Deus; e sobre ele oferecerás holocaustos ao SENHOR teu Deus” [Deuteronômio 27];

E incontáveis maravilhas, foram a manifestação da glória de Deus, diante aqueles altares...
... "E com aquelas pedras edificou o altar em nome do SENHOR; depois fez um rego em redor do altar, segundo a largura de duas medidas de semente... De maneira que a água corria ao redor do altar; e até o rego ele encheu de água... Responde-me, SENHOR, responde-me, para que este povo conheça que tu és o SENHOR Deus, e que tu fizeste voltar o seu coração.
Então caiu fogo do SENHOR, e consumiu o holocausto, e a lenha, e as pedras, e o pó, e ainda lambeu a água que estava no rego
” [1Reis 18].

Quando meditamos, profundamente nas Sagradas Escrituras, extasiados, nos deparamos com a expressão:

O fogo arderá continuamente sobre o altar; não se apagará” [Levítico 6];

Esta manifestação do “fogo continuo”, nos fortalece na concorrência de fatos ou circunstâncias, acontecimentos, atos, ou ocasiões de dificuldades, ou situações embaraçosas, no ensejo da oportunidade de nos manter em constante adoração, oferecendo sacrifícios de júbilo, de grande alegria ou contentamento, em regozijo ao nosso Deus, SENHOR e Salvador.

Devemos ser constrangidos de permitir em se tornar manifesto, que pelo sacrifício vicário de Cristo na cruz do Calvário, edificando Sua vida para fazer o que agrada a Deus, unir-nos a Ele, e é patente, público, notório diante a afirmativa de que os "céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das Suas mãos" [Salmos 19], sendo análogo, idêntico, semelhante ao que nos expressa 1Coríntios 3; 6 a que, somos nós, os que professam a fé no SENHOR, o templo do Espírito Santo, e portanto, é em nós, crentes professos, o altar que oferece sacrifícios de júbilo...

... Altar, não de um coração de pedras, mas, de um coração e espírito quebrantados e contritos, pois que, num “alto e santo lugar habito; como também com o contrito e abatido de espírito, para vivificar o espírito dos abatidos, e para vivificar o coração dos contritos” [Isaías 57], diz o SENHOR.

Diante estas verazes expressões, não nos deixemos enganar, não há em nosso tempo presente, lugares chamados de “altar” (nos locais religiosos com placas de "igrejas"), mesmo por que, se estes realmente fossem, os que se apoderam deles, já teriam sido consumidos!!!


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses da Igreja que Cristo edificou.

.

2 comentários:

Presbítero Santos disse...

Amor, graça e paz, irmão James.

É sem dúvida alguma uma verdade absoluta, nossos corações são o "altar" de Deus, corações contritos, arrependidos diante a Palavra de Deus.

As denúncias das atrocidades religiosas devem ser relatadas para que muitos possam se abster das coisas dos homens e se achegarem a Deus, em santidade.

Deus o abençoe.

Pb. Santos.

Lalique disse...

saludos desde Turquia
friendly visit

besos

http://laracroft3.skynetblogs.be

http://lunatic.skynetblogs.be